sexta-feira, 8 de maio de 2009

O Credo Apostólico

Creio em Deus-Pai, Todo Poderoso 
Criador dos céus e da terra, 
E em Jesus Cristo, 
Seu único Filho e nosso Senhor,
Que foi concebido pelo poder do Espírito Santo,
Nasceu da virgem Maria, 
Padeceu sob Pôncio Pilatos,
Foi crucificado e morto pelos nossos pecados. 
Sepultado, desceu ao lugar dos mortos, 
Ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus,
E hoje, está assentado à direita de Deus-Pai,
De onde intercede por nós
E de onde voltará,  
Para julgar os vivos e os mortos. 
Creio no Espírito Santo, 
Na santa e universal igreja, 
Na comunhão dos santos, 
Na remissão dos pecados,
Na ressurreição da corpo, na vida eterna, 
Amém!

Em tempos trabalhosos como estes em que vivemos, a única maneira de se manter a integridade em meio a decomposição moral em redor, é apegar-se às verdades eternas,  as quais mantiveram os saudosos heróis da fé firmes diante de um mundo tão hostil quanto o atual. O credo apostólico é uma síntese adequada e fiel das grandes verdades evangélicas,  que estão sendo sistematicamente ignoradas e afrontadas pelos inimigos de Deus  e do Seu Cristo. Nosso próprio governo, que deveria se comportar como um ministro de Deus e exercer a justiça e o direito, toma a iniciativa de propagar a rebelião e o paganismo, apoiando movimentos de pervertidos sexuais, de adeptos do assassinato de crianças e fazendo "vista grossa" para o estilo de vida corrupto da classe política.  Conceda Deus a estes homens o arrependimento de que necessitam, para que nossa nação seja conduzida para Deus e Seu favor.  

Um comentário:

Sofia P. Malganha disse...

Ola, como vai, neopaulino pseudocristao!

Homossexuais não se consideram, SÂO normais. O mundo do seculo 21 é assim: inclusivo. Não gostou? Porta da rua, serventia da casa!